Menu:

               

 

Quinta do Salomão no YouTube

 

Notícias:

Arquivo »



Clínica Veterinária de Águeda

Rações Happy Dog

Perguntas Frequentes

 


RCI - IPO (Schutzhund)
Pistagem
Obediência
Protecção


 

RCI - IPO (Schutzhund)

A primeira prova de Schutzhund, teve lugar na Alemanha em 1901, com o objectivo de testar e manter o caracter e capacidades correctos do Pastor Alemão e seleccionar os melhores reprodutores. Este teste foi desenvolvido pelo Verein fur Deutsche Schaferhunde (SV), o Clube Alemão do pastor Alemão, e desde então muitos outros países e clubes de outras raças de trabalho adoptaram o Schutzhund como desporto e teste oficial para seleccionar os melhores reprodutores. A SV continua a manter os titulos de SchH, obdecendo aos regulamentos da VDH/FCI enquanto a VDH alterou o nome de SchH para VPG (Vielseitigkeitspruefung für Gebrauchshunde - Teste de versatilidade para cães de trabalho).

Podemos assim encontrar titulos de SchH, VPG, IPO e RCI.

O RCI/IPO engloba 3 fases distintas que têm como objectivo avaliar as capacidades, caracter e equilibrio do cão: Pistagem, Obediência e Protecção. Existem 3 graus de RCI/IPO, o grau I (iniciados), o grau II (intermédio) e o grau III (avançado). Cada condutor com o seu cão tem um máximo de 100 pontos para obter em cada fase, sendo que cada erro corresponde a uma penalização de pontos. No fim, o juíz soma os pontos de cada fase e obtem a pontuação total final - 300 é a pontuação máxima. Para obter qualquer um dos três titulos de RCI/IPO, a pontuação minima é: 70 na Pistagem, 70 na obediência e 70 na Protecção ; um total de 210 pontos. Se não se atingir esta pontuação minima em cada fase, não se obtem o titulo. O grau de dificuldade de execução dos exercícios vai aumentando conforme o grau de RCI/IPO em que nos encontramos.

As raças mais indicadas são: Pastor Alemão, Rottweiler, Pastor Belga (Todas as variedades mas com maior incidência para o Malinois ), Dobermann, Boxer, entre outras.

topo 

 

Pistagem

 

Pistagem é a utilização e desenvolvimento de uma habilidade nata e um instinto básico de sobrevivência dos cães. Tem como objectivo testar o faro, o controlo e a resistência fisica do cão. O cão terá que usar o seu faro - o sentido que tem mais apurado - para seguir uma pista constituida por rectas e angulos, previamente traçada pelo condutor (Grau I) ou por outra pessoa (Grau II e III), localizando e assinalando os objectos colocados na mesma pista . O comprimento da pista, bem como a sua antiguidade e numero/tamanho de objectos vai depender do nivel de RCI/IPO. O cão faz todo o exercício com uma trela de 10 metros, que deve ser levada solta, e deve assinalar os objectos deitando-se.

topo 

 

Obediência

A obediência é essencial em todos os momentos da vida do cão. Traduz-se em controlo, mesmo em situações adversas. O juíz vai julgar cão e condutor como equipa, avaliando a obediência do cão, a sua alegria e ligação com o condutor; e o controlo do condutor sobre este, através de uma série de exercícios com maior grau de dificuldade conforme o nível de RCI/IPO.

Alguns dos exercícios de andamento são efectuados junto a um grupo de pessoas, pretendendo-se testar a ligação com o dono e a indiferença a estranhos. Durante um dos andamentos, é disparado um tiro para o ar, ao qual o cão não deve mostrar reacção de medo nem de agressividade.

Para além de exercícios de obediência como o sentar/deitar/ficar de pé em andamento e a chamada ao dono; o cão deve ainda efectuar a busca e entrega do objecto alter em 3 condições: plano, salto e paliçada. O cão é ainda comandado a seguir em frente em corida (sem o dono) e a deitar quando a uma certa distância. Todos os cães são também avaliados num exercício de deitado sobre distração: os cães têm de ser capazes de aguardar a sua vez de entrar em prova, na posição deitado e longe do seu condutor enquanto que outro cão faz a sua prova. Todos os exercícios de obediência testam o temperamento e ligação entre cão e condutor.

topo 

 

Protecção

Ao contrário do que muitos pensam, só um cão equilibrado e confiante, sem agressividade gratuita, consegue passar esta fase do RCI/IPO. Testa a coragem, força fisica e mental e agilidade do cão.

Trata-se de um treino complexo e avançado, onde o controlo do condutor sobre o cão deve ser total. Os exercícios englobam uma busca do figurante que se encontra escondido atrás de um abrigo, e a sua guarda (o cão deve ladrar mas não atacar o figurante) até o condutor chegar.

Quando o Figurante ensaia uma fuga então o cão tem que atacar e morder a manga com força e segurança.

O cão deve efectuar a escolta ao figurante sem mostrar agressividade, mas quando este tenta atacar o condutor o cão deve de imediato morder a manga firmememente.

O último teste de coragem é efectuado quando o condutor manda o figurante sair de um abrigo onde estava escondido, a uma certa distância, o cão deve lançar-se em ataque quando o figurante começa a correr e a ameaçar o cão com um bastão. São desferidas algumas cargas de bastão quando o cão está a ser tranportadoo na manga, e este não deve afroxar a mordida, sair da manga ou entrar em luta agressiva com o figurante.

Todas as mordidas na manga têm que ser firmes e cheias (com a boca toda), e o cão deve largar imediatamente quando é dado o comando, ou quando o figurante se imobiliza. Desta forma, esta fase do trabalho de RCI/IPO testa o equilibrio de caracter do cão, tendo em vista a selecção dos melhores reprodutores.

topo